sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

FELIZ NATAL!

Bem, aqui a Nazi-Natalícia vai pôr a tese de lado por uns dias. Até segunda só quero saber de Natal, cozinhar e comeeeeeeer!

Já ontem comecei os preparativos (juro que não percebo quem é que já anda a fazer os fritos há não sei quantos dias! hoje à noite deve parecer que estão a comer borracha!), já fiz o hummus e o paté de salmão fumado para entrada, o recheio de grão para as azevias (nota-se muito a influência muçulmana no meu sangue alentejano??) e o bolo rainha (que o meu F. não gosta de bolo rei). Hoje falta pôr o bolo no forno, fazer as azevias, fazer as salsichas da Nigella, os camarões (para entrada) e o bacalhau (para desgosto do meu pai este ano não há cabrito). Espero que tudo corra bem, porque apesar de sermos apenas os 5 é o primeiro Natal na nossa casinha e aqui a Nazi-Natalícia quer tudo peeeeerfeito!!


Até agora os únicos problemas são: o facto de não ter encontrado fermento de padeiro e por isso o bolo rainha até agora não cresceu pevas. Espero que fique comestível... o facto de nunca ter feito azevias na vida também me está a "assustar" até porque se correrem tão bem como as filhoses o ano passado, estou bem tramada!

óh well... comida não irá faltar! Acho que até Fevereiro andaremos a restos do Natal.

Bem, queria apenas desejar um Feliz Natal a todos os que me lêem (e mesmo aos que não lêem), que tenham uma bela noite, um belo dia amanhã (estou de foooooolga!!! Pela primeira vez em três anos vou ter o dia de Natal de folga!!!), que gostem muito das prendas que vão receber, que as pessoas gostem muito das prendas que vocês deram (as 3 que já dei as pessoas adoraram - que no meu circulo não há cá esperar para abrir na noite de Natal. Assim que as recebemos é logo abrir tudo!), que gozem muito as prendas que vocês deram a vocês próprios (ou serei a única com essa pancada?), que comam muito (mas sem ficarem maldispostos, ok?!), que recebam muitos postais [este ano só enviei 3 :( ] e que na realidade, seja um Natal que fique para a História [apesar de este ano não termos tido a árvore de Natal gigante em Lisboa :( ]! O meu sei que ficará e que será recheado de fotos, para mais tarde recordar!



BEIJINHOOOOOS!!!!

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Hoje foi um daqueles dias...

em que assim que acordo consigo a proeza de deixar cair o telemovel para o gavetão debaixo da cama. Chego à casa de banho e deixo cair a bolsa da maquilhagem com grande estrondo.

A fechar o cacifo, fui contra a porta (sabe Deus como) e tenho o ante-braço todo raspado.

Mas... la pièce de resistance é sem dúvida...

Rufo de tambores se faz favor...

Consegui furar o dedo com o furador da recepção. E não. Não é electrico. É do genero daqueles que todos temos em casa.



Mas porquê é que ser desastrada só é amoroso quando é a Meg Ryan a fazer os disparates?

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Whishlist #2

Ora bem, mais uma opção de prenda natalicia que dou a todos vós e em especial ao meu futuro amigo secreto do O.O.


Este Natal, gostava mesmo mesmo mesmo de ter isto debaixo da árvore e quem sabe fazer logo ali uma jogatana, com o F. os pais dele e o meu papá, na noite de 24 :)

E como eu até sou fofa, aviso já que comprar no Continente deve ser mais barato do que irem à FNAC, pois o livro e a agenda são bem mais baratas em todas as lojas, quando comparamos com o preço da FNAC (até na velhinha Bertrand que sempre teve a fama de ser careira).

Velhice

Eu... Istari de nome, hoje descobri que estou velha!!


O meu colega de 20 aninhos, não sabe o que é A Minha Agenda da RTP e diz que nunca ouviu a canção: A minha agenda! A minha agenda! lalalalalalaaaaaa

Senti um leve aperto no coração ao ouvi-lo perguntar: O que é isso? Eu sei que até já tenho um cabelo branco... mas este sentimento não será precoce demais??

sábado, 4 de dezembro de 2010

Wishlist #1

Nunca fiz nenhuma Wishlist... Acho que está na altura de experimentar, até porque o Natal está a chegaaaar :)



Vamos iniciar a listagem com: Color Palette da Sephora!

Edição limitada !
Palette maquilhagem 5 em 1
5 harmonias de cores: 50 sombras, 10 batons e 5 blush
Preço: 39.90€

Eu fui tão boazinha este ano... (óh para mim a fazer olhinhos de cachorrinho)

Livros, Livrinhos e Livrões

Hoje estive a ler uma discussão intelectual num outro blog, sobre a inteligência de cada um, de acordo com os livros que lê.

Sim senhor, tudo muito bonito, mas será que se pode mesmo dizer "diz-me que livro lês e dir-te-ei o quão inteligente és"??

Por exemplo, o meu livro favorito é: Mulherzinhas de Louisa May Alcott. Porquê? Porque foi dos primeiros livros que li, que amei, que estará para sempre no meu coração e que leio todos os anos (mais ou menos por esta altura).

Gabriel Garcia Márquez ou qualquer outro Nobel, que fica sempre bem dizer-se que se ama de paixão, sim... leio, mas não digo que os ame loucamente. Gosto do modo de escrita de alguns, de outros não... tenho alguns livros mais intelectualóides mas a verdade é que nem sempre me apetece. E mesmo esses autores têm livros e livros. Não são todos excelentes, pelo amor de Deus!

Sou muito de fases. Já tive uma fase mais lamechas em que o P.S. I Love You me fez acabar o livro abraçadinha a ele e com uma lagrimazinha ao canto do olho; quando tenho mais paciência gosto de ler algo que me faça pensar ou apreciar o modo como o autor escreve (para mim, O Leitor de Bernard Schlink tem uma das melhores escritas de sempre) mas ultimamente, devido talvez à fase de stress que ando a ter, ando mais virada para as comédias (como as da Sophie Kinsella).

Na minha estante, tenho tudo mais ou menos dividido por temas - BD, comédias, livros do coração, livros da escola (turismo, turismo, turismo eheheh), intelectualóides, um espaço só para os livros que tenho ainda para ler... E sim... tenho uma parte dedicada ao meu querido Harry Potter e à saga Twilight e não tenho vergonha de dizer que gostei bastante de ler todos eles! Aliás, o espaço que tenho dedicado aos meus bebés no escritório é já tão pouco (apesar da estante ser enooorme, que em algumas áreas) que - graças ao facto da prateleira ser profunda - tenho 2 filas de livros em cada divisória.

Também tenho livros que comprei naquele sitio maravilhoso que é a Feira do Livro no Parque Eduardo VII, quando ainda tinha os meus 14 ou 15 aninhos e que só agora os consegui ler e gostar. Como o clássico Monte dos Vendavais que comprei porque falavam muito bem do livro, que era tudo e mais alguma coisa... a primeira vez que o li, acho que nem o acabei. Este ano resolvi dar uma hipótese ao bicho e... amei. A história, as personagens, o modo como a menina Brontë escreve... lindo!

Tal como de vez em quando sabe bem ver um filme de ficção cientifica (eu pelo menos adoro) e um filmezinho pipoca, também faz falta um livro pipoca para passar o tempo. Acho que não precisamos de estar sempre a ler livros mais sérios. Será que a maioria das pessoas que o faz, fá-lo por gosto ou porque parece bem e de alguém com um Q.I. alto? Acho que para seriedade já nos chegam os nossos trabalhos, e por vezes, a vida, não? Quando estamos na praia, vamos levar a Guerra e Paz, ou o Código Da Vinci? Por amor de Deus! Sempre que vejo pessoas a falar mal dos livros do Dan Brown penso logo: olha este... é daqueles que deve ter a mania que é muito esperto e como os intelectuais não gostam, fala mal, mesmo que nunca tenha lido nada do homem!!

Mas qual é a vossa necessidade em falar mal dos autores? É complexo porque são autores populares e vocês são aqueles tipicos cromos sem amigos, sem vida social, com a mania que são os maiores e os mais inteligentes? Tipo Sheldon da série Big Bang Theory? E como tal, todo aquele que é popular, é porque não tem cérebro e não sabe falar sobre a teoria das cordas?
Na mesinha de cabeceira tenho 3 livros: To kill a mockingbird (não sei o nome em português), A viagem do Elefante e uma comédia ranhosa que não estou a conseguir ler e que acho que vai acabar no fundo da garagem ou na estante dos livros que foram desterrados para o Alentejo. Estou completamente presa ao To Kill a Mockingbird (apesar de estar a ler na versão original e de existirem muitas passagens em inglês tipico do Sul dos E.U.A.) e a Viagem do Elefante vou para aí na página 12 porque simplesmente não consigo estar com atenção...

J'adore livros. Mas todo o tipo! Ok ok menos de terror... apesar de ter comprado um, para oferecer ao meu F., e de ter muita vontade em lê-lo. Só que... bem, digamos que apenas que sempre que olho para a capa e leio Misery lembro-me logo daquela cena do filme em que ela parte os tornozelos ao senhor, e como essa foi a unica coisa que já vi de tal filme, e imagino que não deve ser o pior que ela lhe faz, bem...perco toda a vontade!

Eu não julgo ninguém pelo livro que consideram o que mais marcou as suas vidas... Até porque o nosso livro favorito não quer dizer que seja o melhor que já lemos! É um livro que nos marcou, seja na infância, adolescência ou vida adulta, e para quem gosta de ler, existem muitas mais razões para um livro nos marcar do que apenas a sua semântica... Já ouviram falar no Clube dos Poetas Mortos??? Ou isso também é algo muito simplório para vós?

Agora e vós, meus amores, qual é o livro da vossa vida e porquê? (será que é desta vez que alguém responde às minhas perguntas? Hope So!!)

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Natal

Ai ai... já só penso no Natal e nas decorações e na comidinha desta quadra e é então que me lembro.

Ali. Na mesa da sala. O meu portátil. Os meus livros. As minhas folhas. Os meus cadernos. Os meus apontamentos. À minha espera. A fazer beicinho...

Daqui

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

NATO


Que é uma grande chatice saber que amanhã, talvez, leve HORAS a chegar a casa devido às estradas cortadas e comboios que não vão fazer o percurso que me interessa, é sim senhor...

Que é uma grande chatice saber que o senhor Obama vai estar ali tão perto de moi même e que não lhe vou poder dizer, "cá uma bjoca sô Obama", é sim senhor...

Mas que é uma MARAVILHA ir ao Vasco da Gama lanchar na Maison des Crepes com o papá, sem termos que esperar na fila; sentar para comer sem andar meia hora a passear o tabuleiro à procura de um lugar; entrar nas lojas e percorrer os corredores sem ser atropelada e ter que andar a fintar (verdadeiras fintas de Ronaldo!!) transeuntes maldispostos e tias coquetes e anorécticas (daquelas que até pensamos "ai jazuze se lhe toco com a mala ainda a mato"), É SIM SENHOR!!!!


P.S: Sô Obama, se me vir passar por si na rua e eu não for logo esmagada pela sua segurança pessoal ou pelos agentes de autoridade, mui guapos, da PSP não pense: Can I Give Her a BJoca?? porque aqui já lhe dou a resposta: YES YOU CAN BABY!!

É Natal, é Natal lalalalalaaaaa... parte 2

É oficial! Hoje, dia 18 de Novembro, acabei de tratar de todas as prendas que tenho para oferecer...

Já só falta embrulhar!! EHEHEHEHEH

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

adivinhem quem voltou

uóoooo

adivinhem quem voltou uó uóoooooo



e veio mais sexy que nunca!

sábado, 6 de novembro de 2010

Coisas de saúde à la ti Istari

Tenho andado a sentir-me mal. Vários sintomas que aqui não vou descrever porque... prontos pá... mas ei que a saúde 24 me manda para o Hospital Curry Cabral para ser avaliada

Chego lá, falo com as médicas e é mais ou menos este o resumo:

  1. "Ah isso deve ser infecção urinária. É só aguardar um pouquinho que já a chamam para a colheita"
  2. "Bem, afinal não é infecção. Será que tá grávida? Ainda tem chichi? É só aguardar que já a chamam para a colheita"
  3. "Olhe, não sei se é uma boa ou má noticia mas não está grávida. Isso devem ser gases. Se não passar vá o médico de familia que eu aqui não lhe posso fazer mais nada."

E pronto... 3horas da minha vida para me dizerem que poderia estar grávida mas afinal não. O que carrego dentro de mim são bufinhas.

E eu que já estava na fase de escolher nomes e imaginar o quarto do bebé enquanto esperava e pronto... esfumou-se tudo no ar. Literalmente

Serviços Nacionais

Numa altura em que só sabemos dizer que os nossos serviços nacionais não funcionam, porque é que ninguém fala da eficácia da linha Saúde 24?

Mal ligamos somos atendidos por profissionais de saúde (creio que na maioria são enfermeiros), que nos ajudam da melhor forma. Quando o caso é um pouquito mais grave do que sopas e descanso, enviam logo um fax para o S.U.B. ou Hospital mais próximo com os nosso dados o que facilita e dá prioridade ao nosso atendimento.



Melhor de tudo... é grátis!

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Miguel Bolhas




Ontem fui ao concerto do Michael Bublé... como descrever tudo?




1) Lindo


2) De tirar o fôlego


3) Puro Entertainment




segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Finados & Natal

Hoje é 1º Novembro.

Dia de Finados. Antes de começar a trabalhar, este era um dia em que a minha presença na Amareleja não falhava para visitar as campas dos nossos amores que já partiram. Era o dia em que íamos de proposito para o Alentejo levar flores e lavar a campa da minha mãe e bisavós (habitualmente sujas pelas primeiras chuvas).

Desde que acabei a escola a tradição terminou. Assim como o nosso regresso dia 21 Dezembro para o mesmo ritual, desta feita pelo "aniversário" do falecimento dela. Agora tudo o que posso fazer (já que aqui como os trabalhadores estão praticamente contados para que o horario funcione e nem sempre podemos meter dias) é acender uma velinha nestes dias. Já que pensar nela penso todos os dias. Sentir a sua falta, já sentia ainda antes de ela me deixar definitivamente. Olhar a sua foto, todos os dias é a primeira e a última coisa que vejo antes de adormecer. O que me aflige por vezes? Lembro de tudo dela, menos a voz e a cara. Já são muitos anos, mas mesmo assim, fico com uma nuvem no coração sempre que ao lembrar-me dela, não me consigo lembrar bem da cara. Se não fossem as fotos, de certeza que essa imagem já se teria desvanecido...

Desde que me mudei então, a sua presença ainda está mais forte. Gostava tanto que ela conhecesse a minha casinha, o meu F. Se bem que da maneira que o meu menino é, de certeza que ela mo enviou para cuidar de mim.

O que vale é que também tenho outras maneiras de a homenagear. Como por exemplo, com o Natal. Pelo que o meu pai me conta, ela era um pouco doente pelo Natal. Tal como eu sou. Segundo o meu pai tenho muitas "pancas" herdadas. Como o meu tique, a mania de muito raramente comer tudo o que está no prato (nem que seja deixar 5 grãos de arroz), comer pão com chouriço mas desfazendo o pão aos bocadinhos e pôr quartos e quintos de chouriço em cima dos bocadinhos de pão e a minha pancada pelo Natal.


E eu sou mesmo doente pelo Natal. Em Outubro já só penso no Natal. Adoro ver as decorações, correr as lojas todas que tenham coisas com o tema, ir ve a árvore gigante, as decorações da Baixa, decorar a casa toda, pensar e preparar os presentes de toda a gente. Eu adoro dar presentes! Mas é que gosto mesmo. Levo meses a ouvir o que as pessoas dizem sobre o que gostavam de comprar, ou o que lhes faz falta... o maior problema é quando não oiço nenhuma informação... como este ano. Que não sei o que hei-de dar a quase ninguém :S Só tenho mesmo a prenda do meu irmão e da minha sobrinha em casa, já embrulhadas; e as prendas para o meu grupo de amigas da Univ.


E este ano o Natal tem também outro marco... o marco de: ou acabas a tese até ao Natal ou desembolsas 900€ cá com uma pinta que o F. te põe fora de casa...

Dia das Bruxas

Essa época tão especial para nós portugueses...


mas pronto, como já o ano passado me foram bater à porta a pedir Doces ou Travessuras, este ano, como sou deveras fofa, lá me fui atestar de Snickers ao Jumbo para estar preparada caso os catraios lá aparecessem à porta.


Só vieram 2 grupinhos. Um deles mascarados (com 2 dos harry potters mais fofos da História da humanidade, e uma bruxinha tão linda que só me apeteceu raptá-la!!!) e outros vestidos normalmente e com sacos de plástico para reunir os doces.


Nesse 2º grupo, um deles, com olhar de Gato das Botas diz-me: Não tem nada sem chocolate?? É que eu não posso comer chocolate...


Tadinho!! Partiu-se-me o coração todo! Vamos lá ver se eu no proximo ano me lembro de comprar doces vários e não apenas Snickers...

sábado, 30 de outubro de 2010

Carta aberta a todos os meus colegas, amigos e familiares

Só oiço dizer e só leio que Portugal está pior do que nunca. Que estamos num buraco financeiro e que nunca estivémos tão mal e bla bla bla...
Sim. Estamos muito mal. Sim, é verdade que estamos em crise, mas não me venham com tretas porque as pessoas que em Portugal, estão a sofrer verdadeiramente com a crise são as pessoas que vivem no interior, onde praticamente não há oportunidades de emprego. Ou as pessoas que já são um pouco mais velhas e que por causa da idade já não recebem propostas de emprego.Nas grandes cidades, sejamos honestos, só fica no desemprego quem quer. Quem se pode dar ao luxo de não aceitar qualquer coisa que lhe seja oferecida... Conheço muitas pessoas no Fundo de Desemprego porque ganham quase o mesmo do que se fossem trabalhar e por isso preferem ficar em casa a coçar a micose, e, ainda mais, os que andam a chupar o fundo de desemprego e depois andam a trabalhar, recebendo os ordenados por debaixo da mesa.
E as reformas, por muito duro que isto vos pareça, a verdade é que a maioria dos reformados nunca contribuiu com pevas para o país! O meu proprio avô me admite que recebe reforma das temporadas que trabalhou em França porque lá não perguntavam se as pessoas queriam descontar do ordenado, simplesmente descontavam. E quando os patrões perguntavam, cá em Portugal, se queriam descontar, todos diziam logo que não! Que queriam receber o ordenado completo. E hoje? Hoje andamos nós a trabalhar para pagar estas reformas e quando chegar a nossa altura, já não vai haver mama...
E desde quando, é que quando os nossos pais eram novos, ou mesmo nós quando éramos mais catraios, tinhamos uma vida melhor? Nunca estivemos nós tão bem! Nunca se venderam tantos carros de luxo, nunca se venderam tantos computadores, nunca se compraram tantas coisas topo de gama, nunca se esgotaram tantos concertos, festivais e salas de espectáculo...Nunca as lojas estiveram tão cheias, nem os casamentos foram tão cheios de cornicoques como actualmente.
Ainda me lembro do meu irmão (que é 11 anos mais velho do que eu) andar a poupar sei lá quantos meses, se não mesmo um ano, o seu ordenadito que ganhava na Fábrica da Robialac, para comprar um computador. E nunca na vida, me lembro dos meus pais terem ido jantar fora todas as semanas, como muita gentinha que conheço. Se íamos jantar fora, era quando o rei fazia anos.
Take-away?? Take-away era quando nos permitiam levar a paparoca da cozinha para a sala (para podermos ver televisão. Já que a sala era a única divisão com tv).
E roupas?? Roupinha dos putos era na Praça\Mercado ou da mais baratinha (tipo a do Continente) que havia, não havia cá roupa da Benetton (como a minha cunhada compra para a minha sobrinha, que se veste quase basicamente só com roupa desta marca). Sempre usei roupa rasquita no dia-a-dia. Roupa com mais qualidade, só nas datas especiais, tipo aniversários, Natal, passeios de escola, ou até mesmo no dia da Procissão (AHAHAHAHAH).
Não me venham cá dizer "AAAAAAH nunca estivemos tão mal como agora" enquanto conduzem a vossa carrinha BMW ou Audi ou Mercedes... ou enquanto estão sentados na vossa sala, na casa onde têem mil divisões (um quarto para vós, outro para um dos miudos, outro para outro dos miudos, outro para fazer de escritorio, a sala, outro quarto para o canário, outro para o cão e outro para o gato - sim... que eu e o meu irmão, com 11 anos de diferença, dormíamos no mesmo quarto - grande remédio - e o nosso escritorio era um cantinho na sala de estar e outro cantinho na marquise- sim, nós temos uma marquise, porque parecendo que não, ó vós que odiais os aluminios que cobrem as varandas desses prédios por Portugal fora, é uma divisão que se ganha para arrumos e para escritório, escritório esse onde se treme de frio no Inverno e se morre de calor no Verão, porque sejamos honestos os isolamentos não são grande coisa eheheheheh) Sempre que oiço esse choradinho a minha resposta é: Pleaseeeeee. Vocês merecem é um par de chapadas vindo de quem realmente está a sofrer com a crise.
Honestamente... eu sei que se lembram como eram as coisas, por isso não sejam hipocritas, tá?
Yours truly,
Istari
P.S. desculpem lá o desabafo, mas depois de passar a hora de almoço, a ouvir choradinho, não aguentei!!

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Orgulho

Descobri hoje, que faço parte de 30% da população portuguesa, que completa os estudos da 1ª classe* ao 12ºano sem nunca chumbar... Até diria mais, já que completei da 1ªclasse até à Licenciatura sem nunca chumbar, devo ser parte de, sei lá, 15% da pop. portuguesa que consegue tal feito! E não digo o mestrado, porque a minha tese ainda não foi avaliada e é melhor não por a carroça à frente dos bois

Upa Upa... mas o que é que isso nos vale meus amigos? nada...rien de rien



*No meu tempo ainda era 1ª Classe e não 1ºAno meus amores!

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Lidas da Casa

Trocar, sozinha, os lençóis de uma cama de 2mX1.80m é coisa para demorar 20m e estoirar este meu coração gordalhudo!!!

Se daqui a pouco eu sofrer um ataque qualquer já sabem o porquê!!!

Caderneta de cromos

Comprei o último livro do Nuno Markl e devo dizer que é mesmo uma viagem down the memory lane.

Estou a adorar esta colectânea de memórias da minha infância. Ele fala de tudo!! Desde os Jogos sem Fronteiras à bela da caneta Bic... É sem dúvida uma bela prenda de Natal (a Caderneta que vou dar ao meu irmão já aqui está - sim...leram bem. Eu começo a tratar das prendas de Natal em Outubro) mas Markl, amor meu, isto não é só indicado para quem era petiz nos anos 70\80... aqui a je tem muitas memórias dos anos 90 e muitos dos brinquedos\séries\comida de que falas, pertencem à minha era de petiz :) Mas sim... também falas de muitas coisas que eu não faço a mínima... but I'll always love you, baby!



Para complementar, é claro que é necessário comprar os 100 cromos, à venda na Fnac por 5€, e, que trazem um mini-tubo de Cola Universal Cisne!!


Agora um aparte, Bertrand, filha, estou deveras chateada com vocessemecê!! Então eu faço pré-reserva, sou amorosa com o mocinho que me atende, até pergunto se querem que pague no acto de reserva e estes meses todos e vossa Excelência nunca mais me disse nada? Nem uma sms, nem um telefonemazinho a dizer: Vinde cá buscar o livrinho.

Nada! Nunca me tinhas falhado, mas assim não gosto! Bertrand Má!!Bertrand vai já para o canto, de castigo!!E só sais de lá quando tiveres pensado bem no que me fizeste!

Legendas, jornais e revistas

Devo dizer que sempre que leio algo que já esteja dentro do Novo Acordo Ortográfico... dá-me um arrepio na espinha. Racionalmente sei que deve ser o novo acordo, emocionalmente só penso: OH MEU DEUS! O que é isto??


Nãaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaao!!!!!!!!! Não quero! Não aceito!! Não vou escrever assim!!!

Não me digam que vou ter que deixar de comprar livros e ler e reler todos os que comprei até agora, até ao fim dos meus dias...

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Mochices

Mochices porquê? Porque ao receber um e-mail do meu orientador sobre o último capítulo que escrevi, no qual ele me diz: "Consegui ler (finalmente) os seus textos dos circuitos.Gostei bastante, embora o estilo utilizado não seja exactamente um estilo de texto científico. Mas percebi que o que pretendeu elaborar foi um texto que "chegasse mais às pessoas" e que funcionasse como guia/roteiroturístico." Fico tão contente! Mas tão contente, que só me dá vontade de ir já para casa e acabar aquela coisa toda. Se bem que, apesar de isto ser muito parvo, e de eu ter noção do ridiculo que é, mas quando acabar a dissertação, até vou ficar com um nózinho no meu coração. Não pelo medo do que virá (a.k.a. Defesa perante um Júri) mas porque, foram tantos anos seguidos em que estudei (ou deveria ter estudado ahahahah), em que a minha vida e os meus planos giravam ao redor do ano escolar e do que tinha para fazer que... vai ficar aquela sensação de... e agora?!


Sei que há sempre o Doutoramento, mas também se com o Mestrado a minha vida não der nenhuma volta ao receber algum tipo de proposta em que possa aplicar os meus conhecimentos (mesmo que não em Full Time), como por exemplo seguir a carreira catedrática em complemento do que faço já, não vou ser uma Professora Doutora que é... Recepcionista!

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Futilidades e tolices

Das futilidades que nos sabem tão bem... ontem foi dia de experimentar o cabeleireiro mais giro do meu bairro. De cortar o cabelo e dia da manicure. De saber todos os tratamentos que lá fazem e sonhar acordada a pensar que uma bela massagem ia mesmo bem, mas que já não tinha tempo para tal.

De falar e falar e falar com a pobre rapariga que faz todos os tratamentos de estética (até quase de certeza ela já não poder ouvir a minha voz).

E de passar vergonha ao esquecer-me do código pin do cartão multibanco.

terça-feira, 5 de outubro de 2010

Burrice pegada?

Burrice pegada é estar com uma pedra tão grande (não sei porquê, mas deitei-me às 22hrs, dormi que nem um anjo até que acordei às 02 da matina, sem razão, e só adormeci às 04... imaginem a pedra que tenho visto que às 06 tive que acordar) que me esqueci que hoje é feriado e fui estacionar atrás do sol posto, no sitio do costume, quando podia ter estacionado à porta do trabalho, já que os parquimetros não funcionam aos feriados :(((

Das Férias

Ai foi tão bom, pela primeira vez na vida, poder dormir enquanto o corpo quisesse! Sem qualquer despertador ou pai chato a acordar-me!! E com a chegada do tempo mais fresquinho, voltar a pegar na mantinha para ver filmes, enroscadinhos no sofá; conseguir cozinhar e cozinhar e cozinhar sem sentir que estava a derreter...


Confesso é que os meus planos de visitar Lisboa de ponta-a-ponta não foram levados a cabo, a 100%.... passeámos, mas a maioria dos dias acordávamos tão tarde que já só queríamos ficar enroscados a ver filmes e filmes e filmes e ler e ler e ler... foi uma verdadeira lua-de-mel.

Mas também passeámos!!! E não fosse eu a comilona de serviço, vejam bem o nosso tour:

Corremos toda a área da Baixa, Chiado e Bairro Alto, com paragem obrigatória na gelataria Santini!! Fomos também a Belém à noite, porque à noite é a melhor hora para ir fazer degustação de Pastéis de Belém...

Para além de Lisboa, o Algarve também foi atacado... regressámos à nossa cidade de Lagos para... comer um belo Dom Rodrigo!!!

Na Amareleja visitou-se a familia e comeu-se um belo queijo fresco da... Bernardina (os melhores queijos frescos do mundo!!!!)

Em casa para festejar os 7 anos de namoro... comeu-se BABA DE CAMELO!!!!!

Acreditem se quiserem, mas mesmo assim consegui perder 8kg's desde o inicio da dieta até hoje (eram 10, mas fiquei tão contente que comecei a abusar, como já perceberam, e PIMBA engordei 1.5kg com todas estas gulosices...)

Mas sabe tãaaaaaao bem :)

Horário de Inverno

Se já me custa acordar às 06 da manhã para ir trabalhar, agora imaginem que acordo, está escuro como breu lá fora e quando chego ao trabalho, às 07 ainda parece noite... óoooooh felicidade

sábado, 2 de outubro de 2010

Vou só ali chorar um pouquinho, e venho já


Hoje é o meu ultimo dia de férias


sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Holidaaay!!! Celebrate!!!!

Finalmente de férias!! Férias!!!! Tantos planos, tantas ideias, tantas receitas para experimentar... mas confesso que nestes primeiros 3 dias não mexi uma palha! Foi levantar da cama, almoçar qualquer coisa, ler ler ler, ver tv, ver filmes... e claro que com tanta saída à rua (sarcasmo much?) hoje acordei como?? Como?!?!?!?

Com dores nos ouvidos, dor de garganta, dor de cabeça e um friozinho na espinha que quase impossibilitou a minha saída da cama. Logo hoje que tenho uma reunião na escola :(



AAAAAAH Férias não são férias sem eu chocar alguma...



E é por isso, que apesar do calor abrasador que se faz sentir na rua, só me apetecia mesmo era ir para o sofá, com o meu livrinho (já quase no fim) e uma bela caneca de chocolate quente! Não me batam! É só nisso que penso :S

terça-feira, 14 de setembro de 2010

O melhor amigo

O melhor amigo do homem é o cão.

O melhor amigo da mulher é o diamante.

MAS, meus caros leitores, o melhor amigo da dona de casa é (vim a descobrir) o CIF!
Eu cá uso o CIF para lavar as loiças da casa-de-banho. Uso o CIF para limpar os meus ténis do cenary vintage da Adidas. Eu uso o CIF para lavar as bancadas da cozinha, tal como o fogão (em complemento com a bela mistura de água com vinagre - 1 porção de vinagre por 3 de água minhas senhoras. Não há melhor para desinfectar e lavar cozinhas).

Eu... sim... EU uso o CIF para lavar os tachos e panelas.

E que bem que estes últimos ficam! Têem de experimentar! Se os vossos tachos estão baços ou está dificil de os lavar convenientemente... umas gotinhas de CIF fazem milagres.

E agora... ó Jerónimo!! Tu que eras o patrão do meu papi... Estou à espera do pagamento da publicidade, ok?!

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

PMS ou TPM

Não sei se serei a única que, quando começa o TPM, fica louca! Totalmente maníaco-depressiva!!! Tanto estou super feliz, a saltitar e a abraçar o meu F. por tudo e por nada, como olho para ele como uma louca com vontade de o esganar só por ele respirar de um modo que me afecte os nervos...

Tanto desato a rir à minima parvoíce (e às vezes como uma completa idiota, quando estou totalmente sozinha, lembro-me de qualquer coisa que aconteceu na escola ou no trabalho; ou até mesmo algo que vi na Tv ou que ouvi na rádio; e desato a rir que nem uma parva...) como a chorar por ter entornado o xirniqueiro a tentar pô-lo no forno.

E quem é que sofre??
O F. pois claro que olha para mim como se eu fosse louquinha deste côco e só me pergunta: "Mas o que se passa agora?!? Não andas com stress, até estás quase de férias!! Porque é que te enervas assim?" E o que posso eu responder?? São as hormonas pá! Só te posso é aconselhar, quando eu engravidar...durante 9 meses, talvez seja melhor emigrares...

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Férias


Estou quase-quase!

Não Alice, ainda não fui, mas já falta muito pouco :)

Vou conhecer, durante alguns dias, uma cidade que milhões desejam conhecer! Uma cidade com óptimo tempo, boa comida (como é óbvio não vou de férias para passar fome eheheh), boas lojas, uma cidade que inspira paixões, músicas, livros, poemas e filmes! Uma cidade que tem bons museus, um óptimo sistema de transportes, vistas magnificas, um rio fantástico, parques maravilhosos, palácios que nos tocam a alma... locais secretos de turistas e locais...

Já vos estou a pôr água na boca?? Estão entusiasmadas?? Querem saber????

É que eu, basicamente, vou pôr finalmente a uso os meus livros e revistas e vou ficar a conhecer melhor:



(suspense)


LISBOA!!!!


2 razões:
  • enquanto me faltarem coisas para a casa não quero gastar dinheiro em férias
  • não quero conhecer outros países e cidades estrangeiras, quando ainda nem conheço bem a cidade onde nasci!
Ai credo! Que horror, dizem vocês, vais passar férias em casa!

Pois vou! Vou gozar a minha casinha, com o meu F. do meu lado, a passear de mãos dadas a conhecer a nossa cidade, a ver aquilo que ainda não vimos, a conhecer aquilo que ainda não conhecemos, a re-visitar os locais favoritos... Para vocês pode parecer coisa de pobre, mas para mim... tenho demasiado orgulho na minha cidade e quero conhecer mais e mais dela, para dar dicas aos meus familiares, amigos e clientes. Não sou pessoa de andar enfiada em centros comerciais, por isso as coisas que quero ainda para o meu ninho, serão compradas aí mesmo, nas lojas de comércio tradicional de Lisboa! Quero fazer o percurso do electrico 28! Comer o melhor bolo de chocolate do mundo (Campo de Ourique)! Tentar ver se é este ano que consigo apanhar as catacumbas\ruínas\termas (o que lhe queiram chamar) dos tempos de Olissippo!!

Sou uma portuguesa fora do vulgar, que querem vocês. Gosto mais do nacional do que do estrangeiro; e o meu curso só veio exacerbar isso mesmo. Na minha cabeça, Portugal é o melhor! Aqui faz-se do melhor que há no mundo!! Temos das cidades mais perfeitas para passear do mundo!! Temos regiões de tirar o fôlego (como os Açores)! Até temos uma das mais belas livrarias do mundo!!! Eu não quero gastar o meu tempo a conhecer algo estrangeiro, quando ainda nem fui à Livraria Lello, que se encontra a uma viagem de alfa, de mim!

Tenho pena por vos decepcionar, mas o que é que vocês querem? Sou uma alfacinha, não de gema, mas de corpo e alma!

Fertilidade

Meu Deus!


Mas quem é que disse que em Portugal a população está a ficar envelhecida?? É que eu só vejo bebés ao meu redor! Só no meu prédio, esta semana, nasceram 3!!! No trabalho, há 3 dias, 2 mamãs e um papá foram lá mostrar os seus rebentos e ontem adormeci nos meus braços 2 princesinhas de 2meses de idade... (as mães dizem que sou uma encantadora de bebés.é só -los nos meus bracinhos que os anjinhos adormecem logo.e eu fico só embevecida, a embalá-los com pequenas danças e a única canção de embalar que sei e que me vem logo à cabeça, assim que me passam os pequerruchos para o colo: Quando eu era pequenina; quando eu era pequeninaaaaa; acabada de nascer; acabada de nasceeeer; ainda mal abria os ooooolhos; ainda mal aaaaabria os olhos; já eram para te ver; acabada de nascer)

Esta semana que passou já sonhei uma vez que tinha tri-gémeos, no dia seguinte que era só uma menina (e era a mesma baby girl do sonho dos tri-gémeos) e ontem passei a noite a sonhar com bebés...


AAAAAI!!! Se o meu relógio biológico começou a funcionar a primeira vez que olhei e peguei ao colo a minha sobrinha (pensar que o meu diabinho está quase a fazer 8 anos *suspiro*) acho que agora começou mesmo a despertar!! Será possível que apenas após 3meses de vida em conjunto eu já só tenha bebés na cabeça??

Nãaaaaaa é mas é esta fertilidade fora do comum que me rodeia é que me está a influenciar!!!!

terça-feira, 31 de agosto de 2010

Mais de comida

Estou simplesmente farta de passar as minhas noites sem jantar. Nem é que lhe sinta falta nem sequer fome, mas quem sofre mais com a dieta é mesmo o meu F. já que eu como mais parece que estou até a ganhar raivinha à comidinha já nem tenho paciência para ir às compras, nem sequer para cozinhar.

Ou seja, tal como diz o povo, uns são parvos e depois quem sofre é o mexilhão.

Por isso, o dossier das receitas foi organizado de modo mais operacional, os livros da Nigella foram trazidos para as prateleiras da cozinha, o caderninho de receitas pessoal actualizado e está tudo pronto para voltar aos bons velhos tempos (mas com jantares mais leves para mim. Saladas e sopas frias bastam-me).

Assim, ontem fui atestar-me de bens essenciais e ao ver na zona dos legumes umas belas Beringelas Biologicas (e nacionais) decidi fazer Beringela com ovos para o jantar.

Infelizmente os únicos ovos à venda, ontem, eram de Galinhas criadas em gaiolas e eu desde que vi o documentário que o Jamie Oliver fez sobre o assunto fiquei traumatizada e nunca mais consegui comprar desses ovos.
Mas eis que antes de chegar à caixa, decidi ir espreitar os congelados e arrisquei-me a comprar SUSHI AUCHAN...

Veredicto: não foi o melhor sushi da minha vida, mas já não comia há tanto tempo (nem o meu pai nem o F. gostam e visto que 90% das vezes que janto fora, é com um ou outro...) que me soube mesmo que nem ginjas! Ainda por cima o kit traz pauzinhos, wasabi, picle gengibre e um molho de soja biológico maravilhoso. MAAAAS aquilo deve ser dose para duas pessoas, porque eu comi tudo e depois ia morrendo de tão cheia que fiquei (AHAHAHAHAHAH os meus dias de lambona ainda não chegaram ao fim)

Mas pronto... não sei é se os meus bleaders (como diz a Julie Powell) desejam que eu vos mostre as receitas que vou fazendo, já que apesar de muitos me lerem (sim... eu semanalmente inspecciono o sitemeeter) fora a Alice e a Paty, ninguém comenta :(

domingo, 29 de agosto de 2010

Já és mestre?

A todos os que me fazem a pergunta "Mas quando é que despachas isso??"

ACREDITEM que não há ninguém mais interessado em acabar a tese do que eu, tá?! Mas não é propriamente um T.P.C. porque se fosse, eu seria a última pessoa da turma a entregar a dissertação, e, pelo que tenho ouvido e lido... ainda não houve uma única entrega...


É algo muito trabalhoso, dificil, que faz esturricar os miolos... mas... se pensarmos bem, pelo menos para mim, até é algo que me dá muito gozo. Investigar, ler, ler, ler, magicar coisas, bater com a cabeça na mesa porque acho que o português está horrível (e há a eterna questão de eu não saber ainda muito bem colocar as vírgulas correctamente. É VERGONHOSO eu sei, mas é daquelas coisas que ou se aprende logo ou se luta o resto da vida com isso...), desesperar porque a escrita maricas não é propriamente o meu trunfo... Acho que quando finalmente acabar isto e estiver com a dissertação na mão, acabadinha, impressa e encadernada... até vou soltar uma lagriminha pelo canto do olho.

Glee

Para além de que ainda me farto de rir com cenas como esta



OU ESTA que foi a primeira coisa que vi desta série!




O F. não me entende. Esta é uma tradição que tenho sola eheheh

Glee


Estou viciada nesta série!!! Todos os domingos na FoxLife (para quem tenha o canal). É já uma tradição minha passar o domingo a cantar enquanto assisto.


Para além de que o prof. Schuester... ai ai... só eu é que nunca tive professores assim!




3 Meses

Há mais ou menos 3 meses que o F. e eu nos mudámos para a nossa casa. Até agora tenho adorado toda a experiência, mas não quer dizer que tenha sido perfeita! Mais por culpa minha que outra coisa.

É verdade. Passei do não fazer nada em casa (quando digo nada era mesmo nada, já que o meu pai fazia tudo desde limpar, a cozinhar, a passar a ferro...) a ser a Dona de Casa. Sempre que idealizava a nossa mudança, pensava sempre em ser uma Dona de Casa tipo Anos Cinquenta. Com tudo sempre perfeito, bolos sempre acabadinhos de fazer, sumos naturais e batidos sempre prontos para o meu F.

A realidade é um pouco diferente. Não sei se é por causa da dieta, mas estou sempre cansada. Mesmo que durma 12hrs por dia, estou sempre de rastos com dores no corpo... Desde que iniciei mais a sério esta restrição ao jantar (e pensar que quando a Nutricionista no inicio me falou que eu não poderia comer nada após as 18hrs me fartei de rir na cara dela!) nem me apetece cozinhar. Ver comida, sentir-lhe o cheiro... blargh...

Ai e a comida que se estraga... a comida que se estraga... Nunca pensei que a fruta se estragasse tão depressa quando só uma pessoa a come (o F. praticamente não come fruta), tal como alguns legumes que compro. Visto que agora praticamente não faço o jantar, ou melhor, faço uma porção enooooorme uma ou duas vezes por semana e o F. vai almoçando e jantando daí, nem sei bem o que comprar e fazer... é que se o meu congelador tivesse um tamanho decente, podia ir congelando os legumes... mas, digamos que os frigoríficos encastrados não são propriamente feitos para alguém que gosta de ter comida dentro deles (eheheheh) Mas mesmo antes disso, eu e o F. somos os 2 tão tolos que deixávamos os bolos, que eu fazia, estragar-se pois (e agora leiam com atenção) eu não comia para ele comer, e, ele não comia para sobrar o suficiente para o meu lanche. Quando finalmente decidíamos e\ou nos juntávamos para o comermos, já o bolor fazia uma festa orgásmica na sua superficie...


De resto... tenho feito um óptimo trabalho. A casa está sempre impecável. O meu hubby é um homem de sonho que para além de tudo o resto ainda me ajuda imenso e me apoia em tudo e me faz surpresas como lavar-me o carro, pôr-lhe gasóleo e verificar o ar dos pneus, enquanto eu estou no trabalho (sei que agora ficaram: e isso é uma surpresa?? Mas para mim é. Estas pequenas coisas do dia-a-dia que ele sabe que não gosto muito e que ele faz sem eu sequer lhe pedir, para mim, são maravilhosas).
Mas não deixa de ser irónico que eu, Istari-a-obcecada-por-comida esteja a perder qualidades nessa área. E o pior? Após 39 dias de restrições ainda não fui abaixo dos 63kgs...

sábado, 28 de agosto de 2010

FADA DO LAR...mas pouco

Continuando no tópico de baixo... esta cicatriz fi-la ao manobrar a arma perigosa que é a famosa panela eléctrica (como querem que eu explique à madrinha do meu pai, de 78 anos de idade, o que é a Bimby? É obvio que lhe disse que era tipo uma panela electrica...)


Sendo eu toda maricas, sempre à procura de receitas que nunca tenha experimentado, decido fazer arroz de limão na bimby.

Ponho o cesto no copo, até aqui tudo bem, sigo os passos todos - continua tudo bem - o arroz fica pronto ( e para além de continuar tudo bem, cheira maravilhosamente) e... bem... como raio é que eu agora tiro o cesto de dentro do copo?? AH... era com a espátula da Bimby...

Fico a olhar, como um boi para um palácio para o cesto e para a espátula a tentar perceber como usar aquilo para tirar o cesto, lá acabo por encaixar a espátula na reentrância do cesto, mas assim que levanto o cesto a espátula sai do sitio e aquilo volta a cair dentro da bimby...

vou buscar um tupperware (há que apreciar a minha genialidade), volto a por a espátula na reentrância, e levanto o cesto o mais depressa que consigo para pôr dentro do tupperware e assim levar tudo para cima do balcão.

Agora... tenho que explicar que tenho eczema nas mãos e que a minha pele me cai mil vezes ao ano, e que por isso sou muito mais sensível ao calor e ao frio (ao toque) do que a maioria das pessoas.

Não me perguntem se foi por aquilo estar quente, se simplesmente porque sou eu a Istari-a-que-leva-o-dia-inteiro-a-deixar-cair-coisas-para-o-chão, mas a verdade é que o tupperware e o cesto me saltaram das mãos e eu a tentar agarrá-los, sem perder o fruto de todo aquele trabalho, me troquei toda e o arroz que havia sido cozido a 100ºC (e alguma águinha) me aterrou em cheio em 3 dedos da mão direita.

A mão... bem... instantaneamente ficou vermelha-tomate, mas graças ao Halibut (que sei lá com quantos quilos barrei a mão) fiquei apenas com uma cicratiz de um centimetro no dedo anelar direito.

O arroz (o que sobrou) estava delicioso.

O F. coitado, ia morrendo do coração quando chegou a casa e eu tava a vêr a Oprah, a chorar, agarrada a uma mão completamente branca, de tanta pomada que tinha em cima... o rapaz é um mártir

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

"Olhá Bimba!"

Foi o alegre cumprimento que o meu F. deu à caixinha mágica que dá pelo nome de Bimby.


É verdade, ainda não falei de nada do que se passou neste meu último aniversário. O turismo que se fez vou deixar para outro post (para pôr algumas fotos) vou agora fazer um post onde vos vou falar da prenda que o papá me deu.


A Bimby.


-É fantástica? - perguntam vocês

-É! - digo eu

-É mágica? - perguntam vocês

-Não! - respondo eu enquanto reviro os olhos...


Ora bem, a Bimby é uma máquina fantástica, mas não é mágica como muitas pessoas pensam. Têm que cozinhar à mesma minhas amiguinhas! A única diferença é que enquanto que na cozinha tradicional, normalmente temos que estar de olho para que os alimentos não se queimem, vamos mexendo sempre a paparoca, e, temos muito a mania de provar de vez em quando e acertar os temperos enquanto esperamos que a comida fique pronta, por seu lado na Bimby, pomos os alimentos, fechamos a tampa e só voltamos a abrir quando aquele passo ficou completo (ex: pomos os ingredientes para um belo refogado, regulamos a temperatura e os minutos. fechamos a tampa. quando o refogado está pronto, a bimby apita. abrimos a tampa colocamos os ingredientes seguintes, regulamos a temperatura e os minutos, fechamos a tampa....).


Agora não me venham dizer (como já algumas pessoas me disseram) "Ai não quero nenhuma Bimby! Eu adoro cozinhar!". A minha resposta é: E O QUE É QUE O CÚ TEM A VER COM AS CALÇAS?! AHN?? Querem ver que também preferem o passe-vite à varinha mágica? Lavar à mão no tanque em vez de usar a máquina de lavar roupa... A Bimby não faz tudo sozinha! As senhoras doutoras vão cozinhar à mesma! A diferença reside apenas no facto que não temos que estar a vigiar constantemente o tachito. Podem, por exemplo, preparar tudo e ir tomar uma bela banhoca. Ou ir passar a ferro. Ou brincar com os filhotes. Ou... ver um filme descansada! Cozinham à mesma, boa? E nos fóruns e blogs que há por essa internet fora, acreditem que vão descobrir receitas de que nunca ouviram falar.


Mais coisas boas que a Bimby tem... confesso que não a uso tanto como julgava. Uso mais para fazer sopas (ficam deliciosas), cozinhar a vapor (o meu robalo com molho saké é de comer e desmaiar por mais), fazer sumos (uhmm... sumo de cenoura...). Ainda não experimentei doces nem bolos.


A bimby é uma balança maravilhosa! Ainda no dia em que fizemos o Chirniqueiro, usei só como balança (para espanto do F. que só me perguntava pela balança digital que me deram no Natal). Podemos pôr (por exemplo) 50gr de farinha e se carregarem no símbolo da balança novamente, podem pesar o açúcar sem precisarem de retirar a farinha.

Sempre que pressionamos o simbolo da Balança, ela fica automaticamente a zeros o que é fantástico, pois não temos que andar sempre a pôr e a tirar ingredientes do pratinho.


Agora... vamos passar ao menos bom:


- Não. O mito de que a Bimby se lava sozinha não passa disso mesmo. De um mito. Têm mesmo que a lavar, ou então pôr na máquina (confesso que lavo sempre à mão porque na máquina vai ficando baça)


-A comida fica tão boa como estamos habituados? Não. Infelizmente, aí tenho que dar a mão à palmatória, pois os pratos tradicionais não ficam tão bons. A minha teoria é que enquanto vamos mexendo, estamos sempre a provar e a rectificar e na bimby como fechamos a tampinha, não há tanta tendência a provar e a acertar os temperos. É claro que eu sou maçarica e que as profissionais do assunto de certeza conseguem pratos igualmente deliciosos ao modo tradicional de cozinhar.


-Não, não dá para programar a Bimby e chegar a casa com o comer pronto. Porquê? Porque na maioria dos pratos existem vários passos necessários - não há nenhum que seja pôr lá os ingrediente e já está - e também porque não existe nenhum relógio que possamos programar.



Continuo satisfeita? Continuo. Abriu-me os horizontes a montes de pratos que eu não conhecia, é uma maneira simples, fácil e rápida de preparar uma refeição e permite gozar muito mais o tempo que temos disponivel, já que não temos que estar sempre com medo de deixar o tacho ao lume.

sábado, 21 de agosto de 2010

FADA DO LAR...mas pouco

Local: Ribatejo


Hora: 20:30


Motivo: Enquanto o Exmo. Sr. F. janta satisfeito, uma alma caridosa decide fatiar o queijo que havia sido adquirido na Loja Gourmet do El Corte Inglés, para que ele o possa provar antes de ir trabalhar.


Ocorrência: Enquanto a alma caridosa corta o queijo, corta também um bife do dedo indicador da mão esquerda.


Como: A alma pode ser caridosa, mas para além de preguiçosa é parva e por isso em vez de fazer o fatiamento na tábua de corte apropriada (que não estava à vista e não havia paciência para procurar na gaveta), estava entretida a fazê-lo na tábua de corte de especiarias (que para além de muito mais pequena, por vezes tomba) com uma faca que mais parecia uma faca de talho

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Assustador!!

Ir ao Vasco da Gama às 4 da tarde de quarta-feira e ser atropelada por uma enchente que só me fez lembrar os últimos dias antes do Natal, em que todos andam à pressa para comprar os presentes que deviam ter comprado um mês antes...


segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Buda

O meu F. já me pediu para não pintar nem comprar mais Budas cá para casa, porque qualquer dia as pessoas pensam que somos budistas.

Mas que culpa tenho eu de gostar tanto deles e do positivismo e calma que me inspiram? Para além de que todos eles parecem perfeitos no local onde estão... e não são assim tantos! São só 3 na sala... Mas quando ele me viu a olhar esgazeadamente para um quadro do Buda acho que o homem ficou em pânico


Este bonecão de gesso, comprei contra os desejos do meu pai e do F. que dizem que a pose dele pode insultar os budistas porque parece gozar com a figura mitica.

Eu não achei! E aliás, já vi tantas ilustrações que sei que deve celebrar a vida e o facto de devermos ser positivos!

Mas chega de conversa. Ficam então aqui as fotos Como gosto mais de cores neutras, decidi pintá-lo todo em cores pastel. Gosto da simplicidade. Por vezes, menos é mais...

Uma das maiores chatices foi pintar os olhos. Mas com um palito e alguma tinta preta conseguem-se milagres!

Digam lá se não vos apetece sorrir ao ver esta pança?? Parece mesmo a mamã :D

Eu sei que é dificil

Mas eu consegui.


Eu matei o meu cacto



Não dizem que não se deve ter crianças até se conseguir manter uma planta viva durante bastante tempo? É que em menos de um ano já matei uma orquídea (que vá lá, ao menos ainda é uma planta um pouco sensível) e um cacto. Um cacto. Uma das poucas formas de vida existentes no deserto!!!

Que das duas uma, ou o matei porque o afoguei com água (mas acho que não) ou porque onde o local escolhido para ele embelezar simplesmente não tinha muita luz.

Posso dizer, com toda a segurança, que não saí à minha mãe - que tinha sempre a casa cheia de plantas e flores, todas elas bonitas, todas elas viçosas...

sábado, 14 de agosto de 2010

Tinha que ser...

Logo hoje que me tinha lembrado de tirar uma foto ao Buda que pintei para embelezar a sala e a uma outra coisinha que tenho para postar... as pilhas da máquina fotográfica (herdada pelo sogro, que como comprou a topo de gama que eu andava a namorar :( me ofereceu a antiga dele, que devo dizer, mesmo assim é bem fixe e que eu adoro) estão descarregadas!!


É o que dá ser amiga do ambiente e só usar pilhas recarregáveis!



:'( ainda por cima não faço ideia onde o meu F. tem guardado o carregador :'(

Calorzinho

Ai tão bom que é chegar ao carro e o termómetro só marcar 33ºC!




É que no outro dia quando me sentei dentro do carro ia morrendo! Marcava 44ºC!!! Não me conseguia sentar porque o banco me queimava as costas, tive sei lá quanto tempo a tentar pôr o cinto, porque me queimava as mãos, o protector do volante então... upa upa...

Só me dói a alma é de pensar na quantidade de Água Termal da Avène gastei a molhar o volante para conseguir sair daqui... Ai... mas porque raio é que nunca mais me despacho a fazer o passe!!!

Agosto

Eu costumava adorar o mês de Agosto em Lisboa.

A cidade era minha! Não havia trânsito, os shoppings ficavam vazios, o metropolitano ficava às mosquitas.... Eu anseio pelo mês de Agosto, logo que chegamos a Janeiro. Começo a fazer planos: AAAAH em Agosto é que é! Hei-de ir à Baixa, ao cinema, ao El Corte, ao Colombo... às piores horas! AOS DOMINGOS!! AHAHAHAH Não quero saber, é tudo só meu!

Mas este ano, os meus sonhos foram estilhaçados! A cidade continua cheia de lisboetas!As praias estão cheias, mas a cidade também! O que se passa meu povo? Este ano o banco já não vos deu crédito para mais umas férias no Algarve, que seriam depois apresentadas à familia como umas belas férias na República Dominicana? Saiam daqui!! Vão espairecer para a Caparica!!! Deixem a minha cidade para moi! Vá láaaaaaaa

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Lar Feliz

Um lar feliz??

Um lar feliz e abençoado é:

Enquanto a fada do lar faz um belo bacalhau com natas para o jantar, o homem mais lindo à face da terra decide fazer a sobremesa, e, num passe de mágica, mas com muito cuidado faz um dos melhores chirniqueiros* que já comi!!





*chirniqueiro: doce alentejano que se assemelha a um pastel de nata gigante

terça-feira, 10 de agosto de 2010

Comida

Sempre tive uma relação muito apegada à comidinha.

Desde comida daquela que sabe tão bem, mas que engorda tanto, à comidinha que sabe bem e que nos faz bem ao corpo e à alma (aaaaai a bela da sardinha assada acompanhada de uma saladinha de tomate maduro e oregãos).

Quando, na tentativa de emagrecer, corto esse acesso à comidinha... bem... fico rabugenta, deprimida... Sou uma (como diz a Oprah - digo enquanto faço uma vénia) Emotional Eater. Quando estou triste, afogo as mágoas em comida. Quando estou feliz, festejo com comida... Como me dizem todos os que me rodeiam, parece que levo a dia a pensar e planear as refeições.

Agora, que ando a almoçar sopa e a jantar fruta (ontem foi um cacho de uvas...) ou iogurtes (há duas noites comi um iogurte, com framboesas e farelo de aveia), fico raivosa por ver todos os outros a comerem normalmente, sem grandes consequências a não ser o puro deleite.


Pensando que sou de descendência espanhola (por parte do avô materno), no corpinho da minha mãe antes de engravidar e no corpinho e carinha das minhas primas... fico... MESMO MUITO RAIVOSA!!! AFINAL ONDE ESTÁ O RAIO DA HERANÇA GENÉTICA??? AHN?!?!?



Peço desculpa, mas depois de ver ao balcão MAIS UMA espanhola boazona, precisei desabafar...

domingo, 8 de agosto de 2010

Dieta é....

Desde que fomos viver juntos, deixei de ir ao ginásio.

Desde sempre que o almoço no refeitório do meu local de trabalho se baseia em fritos e alimentos que fazem SUPER BEM... ao colesterol.

Desde que me conheço por gente, que bebo 2 copos de Coca-Cola à refeição.

Desde que fomos viver juntos e deixei de ir ao ginásio, mas mantive os hábitos alimentares, engordei que nem uma lontra.


Desde há duas semanas para cá, decidi fazer dieta e exercicio! (ou antes, ao experimentar as minhas calças de algodão, que desde o 10º Ano usava para ir para a praia e nem o fecho éclair consegui fechar, choramingando no ombro dele jurei fazer dieta e exercicio até conseguir voltar a usá-las)

Há duas semanas comprei uns ténis Nike Running e um DVD de Pilates.

Na última folga tirei os ténis da caixa, para ir dar uma volta a pé depois de almoço. O Dvd de Pilates continua no armário, intocado.

Mas lá dieta tenho feito!! Como por exemplo, jantar 3 tortillas - uma recheada com salada de frango..., e..., 2... recheadas com... BATATAS FRITAS!!!!! AAAAAAAAAAI!!!!!! Mas pronto... OK.... foi o primeiro deslize em 2 semanas!! Tenho andado a salada, sopa, água e iogurtes activia! Se não fizer um deslize de vez em quando, também morro de depressão!!

sábado, 7 de agosto de 2010

"Mas como é que estás tapada até ao pescoço, com este calor???"

Eu vou agora explicar a verdadeira razão pela qual as mulheres (não digo todas, mas muitas que conheço fazem-no) dormirem tapadas, mesmo quando estão 40ºC...

Ora então:

-Tem a ver com a questão de segurança.

-Segurança??? 'TÁ PARVA!!

-Segurança sim senhora!! Passo a explicar por desenho verbal:


Uma pessoa quando dorme, está totalmente desprotegida. Tal como está nos vossos genes, que os membros do sexo masculino (e claro está, as machonas ,como uma colega minha diz) durmam no lado da cama mais próximo da porta (segundo os cientistas isto deve-se ao facto do homem sempre ter sido o protector da esposa e prole), está nos nossos, o acto irracional de precisarmos sempre de um leve sentido de protecção(tal como as crianças que se tapam até à cabeça quando têm medo, também nós, por muito que não o admitam, SIM também nós mulheres adultas e independentes nos tapamos para não ter medófia).


Assim, podem utilizar a seguinte tabela, se quiserem saber como a vossa cara-metade se está a sentir:

1) Encontra-se tão tapada, que só lhe conseguem vislumbrar a ponta dos cabelos, ou os olhos: ou esteve a ver um filme de terror\série policial ou leu uma passagem num livro que a deixou (inconscientemente) de cabelos em pé e como não se encontra com muita sensação de segurança, dorme toda tapadinha para conseguir sentir-se à vontade no vale dos lençóis.

2) Tem o lençol a tapar-lhe as costas: o mesmo que o ponto 1, mas como não é tão assustadiça, estar coberta até ao pescoço basta-lhe.

3) Tem o lençol até à cintura: apesar de estar à vontade, ainda não está muito convicta que é impossível alguém arrebentar com a fechadura, e entrar-lhe em casa.

4) Tem o lençol a tapar-lhe uma perna: está completamente à vontade e segura de si mesma e da segurança do seu ninho, mas visto que é mulher, não consegue dormir sem pelo menos sentir o algodãozinho a tocar-lhe na pele.

-É verdade ou é mentira Sr. Engenheiro??

-É mentira!

-É verdade!! Mentiroso é o Sr!

(lembram-de destes 2?)

Jumbo

Devo depreender pela quantidade de pessoas que ontem estava no Jumbo, que os lisboetas antes de irem de férias levam os supermercados às costas??

Hmmmm....É chato vá

É um bocadinho chato acordar às 06:00 da matina, perceber que os dias cada vez estão a ficar mais curtinhos (já que quando saímos de casa ainda está lusco-fusco) para ir trabalhar para que outros possam gozar um belo fim-de-semana recheado de passeata... é só um bocadinho chato vá...

terça-feira, 3 de agosto de 2010

A todos os automobilistas e peões que se cruzam comigo diariamente,

Em resposta aos vossos olhares inquisidores:

SIM, eu estou a conduzir e a actuar no meu próprio espectáculo da Broadway quando passo por vós.

As músicas não são da minha autoria, mas as letras inventadas e as coreografias são criadas pela minha genial pessoa.

NÃO, infelizmente não vos posso dar um autografo, porque não me dá jeito com o carro em movimento.

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Domingos

Estas últimas semanas têm-me mostrado que talvez tenha ganho uma nova tradição de Domingo.


Chegar do trabalho, ligar a Fox Life, pegar na tábua de passar a ferro e engomar a roupa enquanto vejo o Glee.


Só espero que nunca venha a queimar a roupa porque me distraí a cantar e dançar agarrada ao frasquinho da Vaporesse Comfort...

sexta-feira, 30 de julho de 2010

António Feio

Esta é a última aparição que conheço dele.



Nem sei o que mais dizer.

Quem já perdeu alguém, sabe o que doí.

Quem tem a herança genética sabe o quanto cada caso nos afecta. É como se todos nós perdessemos um pouco a esperança a cada um de nós que fecha os olhos. Mas nunca poderemos perder a esperança. Essa é a unica coisa que jamais poderemos perder.

Antonio, o teu legado perdurará. O teu talento existirá sempre nos nossos corações.




Mas há que deixar um exemplo do seu génio.

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Mudanças

O meu pai passou uma semana em minha casa, por problemas de saúde. Ele não disse nada, mas pelos olhares que ele lançava à sua volta eu sei o que ele pensava:

"Meu Deus... esta casa está tão arrumada.Tudo no sitio. Flores a decorar o meu quarto. As coisas da escola guardadas quando não precisa delas. As revistas todas empilhadas e bonitinhas. OK... QUEM ÉS TU E O QUE FIZESTE À MINHA FILHA?!?!"


Mas o que mais me emocionou mesmo, foi ele ter gostado sempre da minha comida! ! É que ele sempre, mas sempre, põe defeitos nos meus cozinhados: ou estão insonsos, ou têm pouco açúcar; devia ter usado bechamel e não natas; devia ter usado natas e não bechamel... e agora não... Só dizia, está muito bom. Assustador...

Como é que eu sei que tenho o melhor homem do mundo?

Porque para além de tudo aquilo que ele é e do que eu já conhecia, estes dois meses de vida em comum mostraram-me o quão ainda mais perfeito ele realmente é.
Assim que cheguei disse-me para me sentar a descansar (após ter um leve xilique hipoglicémico), e aqui estou eu sentada ao pc, a trabalhar na tese e afins, enquanto ele ainda não parou de trabalhar... desde que cheguei do trabalho já aspirou, lavou o chão e agora está de volta dos estores a tentar ver o que se passa com o motor.
Ontem na minha maratona de 2hrs de passar a ferro a roupa do dia-a-dia mais alguma da roupa de enxoval (sim, eu tenho um enxoval capaz de ocupar 3 casas) de vez em quando vinha espreitar-me para perguntar se eu queria água, se eu queria o Ar-Condicionado ligado, se precisava de cabides...
É ou não é o melhor marido que se pode querer?

Acho que vou ter que gravar estas respostas numa T-Shirt...

Como isto de ser mais para o branquinha em país obcecado com a côr "deitei-me ao sol e adormeci" ou de "estou tão escura que pareço um magnum de chocolate" há que responder a certas questões por isso, tenho as seguintes ideias para T-Shirts e Top's jeitosos para usar no Verão:


  • Sim, eu sei que sou branca, branquinha, branquela, albina, cor de lixivia... E tu? Sabes que a tua pele parece cortiça?


  • Não...ainda não fui à praia e sim, o ano passado só fui 3 vezes à praia. Gosto de qualidade, não de quantidade.


  • Sim... (sem blush) sou a Miss Anemia 2010.

E então? Acham que o pessoal do cão azul me compra alguma destas ideias??

sábado, 17 de julho de 2010

Urbano VS Rural

Descrição de um acidente de automóvel:


- Bla bla bla ia eu muito bem para Lisboa bla bla bla bla e de repente uma MULA põe-se à minha frente!!!

- Fogo! E agora não vais conseguir descobrir o dono!!



Tentem lá descobrir qual das frases foi dita por um citadino e qual foi dita por alguém que toda a vida viveu na zona rural... EHEHEHEHEHEH

quinta-feira, 15 de julho de 2010

Uma pequenina, mas mesmo pequerrucha, sugestão

Não era uma boa, que nas Escolas de Condução, ensinassem o que uma pessoa deveria fazer quando tem um acidente (ou sinistro para sermos mais intelectuais)?

Assim, como quem não quer a coisa, e só se não fosse muito incomodo, claro está; ensinar o que fazer no local, a preencher uma Declaração Amigável, os passos a dar quando ambas as pessoas vão parar ao Hospital e nunca mais põem a vista em cima do outro condutor...

É que dava um jeitaço! OH SE DAVA!! Muito mais do que saber a que velocidade pode um tractor circular numa via pública... como se 90% das pessoas que no centro das metrópoles andam a tirar o Código andassem de tractor... mas pensando bem, realmente estes putos novos o que querem é o modelo mais recente do Deutz para andar a esgalhar pela Ponte Vasco da Gama... o estilo, a adrenalina... UI!

Mas isto digo eu, e eu não sou mais do que uma comum mortal...

terça-feira, 13 de julho de 2010

Conversas entre malucos

Ele - Hoje é dia de desconto em quê?
Eu - Carne Bovina
Ele - Mas ainda não foste ao talho, 'né? Vamos lá.
Eu - Para quê? O desconto é em carne de vaca...
Ele - Para comprarmos carne, duh
Eu - Repito. Carne de Vaca.
Ele - Por isso mesmo. Vamos lá comprar carne.
Eu - Não gosto de carne de vaca.
Ele - Mas gosto eu.
Eu - Mas eu não gosto, logo, não vou comprar...
Ele - Mau...mas gosto eu. Só porque não gostas não vou comer mais carne de vaca?
Eu - Basicamente...

Ele sem resposta espeta-me os dedos nas costelas

Eu a rir-me olho para ele e digo: Pensavas o quê? Que isto era uma democracia?

quarta-feira, 7 de julho de 2010

São Pedro... Oh coisinha fofa

Sua santidade, sua...sua...belezura não sabe que existem mais graus celsius entre os 15 e os 40?

Não?

É sempre ou frio ou um calor sufocante...

Ou 8 ou 80???

Eu assim tenho que me chatear, mas o que vale é que ao menos a minha terrinha lá vai aparecendo nos telejornais e na internet (como aqui)

Só tenho é pena do meu pai, que este ano decidiu ir em Julho para a Amareleja... para aproveitar que é um mês mais ameno que Agosto... pois... saiu-se mal, né? Se bem que não estão os 50ºC que se anuncia na reportagem. É de dizer que está mais fresquinho. Só devem estar para aí uns 42ºC. O termómetro da farmácia da vila, é que está ali mesmo à torreirinha do sol o dia todo, e é por isso que dá uma temperatura um pouquinho mais alta eheheheh

terça-feira, 6 de julho de 2010

Pensamento do Dia

Dobrar meias de homem é pior que fazer um puzzle de 1.000 peças.

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Desaparecimento mistério

Segue o presente comunicado para informar vossas Excelências o porquê do meu desaparecimento.

A verdade é que... bem... CASEI-ME!

Bem... não tecnicamente... uhmm... ESTOU NOIVA!

Bem... teoricamente também não, já que isso envolve a colocação de um anel ostentoso no meu dedinho... (suspiro enquanto olho para um dedo nú...vergonhosamente nú. Tão, mas TÃO NÚ que chora toda a noite com frio)

Ora bem... então... apesar de ser tudo isto na prática, na realidade na mente da restante população...ora... como dizer isto... CASEI-ME À VOLTA DE UM POÇO (como diz o meu avôzinho mai lindo) vá... JUNTEI-ME!!

É verdade. Aqui a lisboeta-alentejana, agora tem também o Ribatejo para influenciar a vidinha e o meu palavrear :D

Claro que agora para juntar a todas as tontices que eu já aqui escrevia, vai agora existir a rúbrica (tambores por favor que isto é um momento solene)

TRRRRR TRRRRR TRRRRR

FADA DO LAR, MAS POUCO

sim, que aqui a je sabe fazer tudinho, mas como tenho mais de desastrada que de fada do lar... já tenho algumas marcas físicas que contam a história deste primeiro mês...

Como as caixas já estão quase todas desempacotadas, e, já estamos a entrar no ritmo dos horários laborais VS horarios fadais do lar... Aguardem as cenas dos próximos capítulos.

Voz OFF:
«Prendas de casamento, but not just yet, são bem vindas»

quarta-feira, 12 de maio de 2010

Mister Maio

Visita divina? Visita divina foi a do Mika!


Se eu já gostava deste libanês (residente em Inglaterra) mai lindo, agora então, depois de ir a um concerto dele... I'm in love babies!!!

Foi simplesmente genial, desde a abertura, ao Ian Mckellen nos monitores a fazer o que sabe melhor (representar), à cenografia, às músicas, à energia, aos momentos de fazer rir, aos momentos de fazer chorar (aquela Happy Ending dá cabo do meu pobre coraçãozinho o que querem?!), ao Português dele tão fofinho (mas falou mesmo... não foi o habitual Boa noite Lisboa,e, obrigado... não não não... praticamente tudo o que ele dizia em Inglês, ele traduzia para Português!), à música pop em fusão com a Ópera... epá... GENIAL!!! Todo o espectáculo foi simplesmente genial.

E apesar de nas fotos e vídeos ele não parecer muito, e, ser assim para o magrinho a mais... ao vivo, achei o homem mesmo muito sexy! A sério! Então quando ele estava sentadinho a tocar piano e a morder o lábio! Ai Jesus...

Espero que gostem! Se não gostarem... temos pena, because I'm loving it!!

Ai ai... e o melhor de tudo??? Assisti a tudinho no camarote de 1ª, à borlix :D Thanks Shorty!!

terça-feira, 27 de abril de 2010

Avatar

Vi esta semana o Avatar.

SÓ AGORA??? - Dizem vocês - O que andaste a fazer estes meses todos?

Bem, fora a Alice no País das Maravilhas o último filme que vi no cinema foi o Mamma Mia, e o Avatar só agora saiu em DVD BluRay, logo...

O que tenho a dizer? Adorei os efeitos especiais, a fotografia, o som... sim a história não é nada de outro mundo, mas a verdade é que excepto o facto da acção se passar noutro planeta, é bastante exequível. Bastar pensar na História mundial: chineses no tibete; ingleses na áfrica do sul e austrália; espanhóis na América do Sul; colonos nos Estados Unidos da América; portugueses na América do Sul e África (se bem que nós não somos tanto de aniquilar RAÇAS INTEIRAS como outros povos. somos maus. mas somos bem mais Peace and Love que o resto. até gostamos da música e comida dos povos a que forçámos a nossa presença e roubámos as terras). O filme parece ter sido feito para a minha TV. Fiquei boquiaberta com a qualidade de imagem e de som, e o realismo das personagens.

O que mais tenho a dizer? Acho que 90% das pessoas que o foram ver ao cinema, não perceberam um caraças da narrativa. Porquê é que digo isto? Porque quando eu perguntava a história do filme, quase todos me disseram que se passava na Terra (!), que não sabiam muito bem o que os humanos queriam, mas que o objectivo era matar os bonequinhos azuis e destruir uma árvore qualquer chamada Pandora (!!) e que havia a história de amor lamechas entre o humano e a boazona azul. Mas que tinham gostado muito e que queriam ir ver de novo (oh god).

Para assimilarem isto do filme, mais valia terem ficado em casa, tá?? E davam aqui à je o dinheirinho do bilhete e das pipocas.



Em suma, grande filme a nível visual, a história não é tão má como alguns a fazem, e, digam lá, quem não gosta de um BOM filme pipoca, de vez em quando? I love it!!

Já vos aconteceu

estar no local de trabalho e sentirem no bolso do casaco o telemóvel a vibrar.

Pensam: IEI!!!UMA Mensagem!

E ficam a remoer naquilo, porque não podem ler, ali à descarada. Porque estão no local de trabalho e não era suposto terem o telemóvel convosco.

E remoem no assunto. E o que será... de quem será... será que aconteceu alguma coisa? será que estão a marcar um jantar ou ida ao cinema??

Fingem que vão ao w.c. ou qualquer outro ponto da empresa, onde podem ler descansados a sms...

E...

"Vodafone informa bla bla bla"


M*rd@!!

domingo, 25 de abril de 2010

Catarina Eufémia - MISS Abril

E pela primeira vez na história deste blog, teremos uma Miss.

Não fosse a minha familia do distrito de Beja.


Catarina Eufémia, cuja história é já uma mistura de realidade e lenda, tornou-se um ícone ao ser assassinada, pelo tenente Carrajola da GNR, aos 26 anos, ao liderar a greve de treze jovens ceifeiras que exigiam um aumento de 2 escudos na jorna.

"Só queremos trabalho e pão" terá dito pouco antes de falecer.

A sua historia jamais será esquecida, ainda que jamais saberemos com certeza se estaria ou não grávida do 4º filho no momento da sua morte.



Para que histórias destas não se repitam.

25 Abril Sempre